segunda-feira, novembro 12, 2018

Leo Vieira: O Diário


Isso não é coisa retrógrada. nem coisa ultrapassada, nem coisa de "menininha". O diário é importante para escrever e descrever coisas que aconteceram na sua vida e você não quer esquecer. Até mesmo devaneios que você queria que acontecesse. Coisas misturadas. Sonho e realidade. Escrever também é sonhar, criar alter egos passando por provações, sofrimentos e desafios, sempre com uma grande lição de moral ou um merecido desfecho feliz. Outra coisa linda é ler o que fez e recordar, com todas as emoções felizes e tristes vindo a tona. Nostalgia com outra compreensão. Mas se der medo de alguém ler no futuro, escreva, leia e jogue fora. Afinal, era tudo para a prática da escrita.
Leo Vieira




® Leo Vieira- Direitos Reservados

ESCRITOR (romances, contos, crônicas, composições musicais e roteiros [com filiações e reconhecimentos acadêmicos]), ATOR (teatro e dublagem [com DRT]), ILUSTRADOR (personagens próprios, quadrinhos independentes e desenho animado), e PRODUTOR CULTURAL (feiras literárias). Sua formação é teológica; atualmente está estudando Pedagogia (faculdade), Jornalismo, Cinema e Marketing (por conta própria).

6 comentários :

  1. Oi Leo, eu tenho um diário onde sempre anoto os acontecimentos do dia ou da semana, uma forma de registrar e poder lembrar depois como eu estava um ou dois anos atrás, é uma experiência bem bacana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mari. Eu sempre registrei tudo de forma subliminar e hieróglifa. Desenhos, tirinhas em quadrinhos, poemas, letras de música... Leonardo da Vinci fazia suas anotações em códex, de uma forma indecifrável para qualquer pessoa.
      Beijos,
      Leo Vieira

      Excluir
  2. Concordo com você! Um diário é algo muito importante e já me ajudou bastante também! Gosto muito de escrever no meu e faço isso desde a infância e não pretendo parar! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem, Andrea. As pessoas que escrevem mais, se expressam melhor. Deve ser um hábito de todos.
      Beijos,
      Leo Vieira

      Excluir
  3. Oi Leo, tudo bem?
    Quando eu era mais nova, eu tinha um diário e antes de escrever nele, nós tínhamos o costume de dar para os amigos da escola deixarem uma mensagem. Anos depois, eu o encontrei e o reli e achei graça de como eu pensava naquela época(era uma criança) e me surpreendei com sentimentos perdidos. Hoje em dia é difícil encontrar esse costume. Com os anos a vida vai mudando, não é mesmo?
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Cila. Na minha época (década de 1990) havia o "caderno de respostas" onde havia uma pergunta em cada página e cada amigo ia respondendo. Realmente é impressionante porque a nossa cabeça e opiniões muda demais às vezes para melhor ou para pior. O lado bom dos diários também é para testar se o nosso eu do passado teria orgulho ou vergonha de você do presente.
    Beijos,
    Leo Vieira

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!. ♥♥
Tem um blog? Deixe seu link que visitarei sempre que possível.
Comentários ofensivos serão apagados!

Títulos que talvez seja do seu interesse!