PUBLICIDADE

[ Resenha ] Menina de Vinte – Sophie Kinsella

Edição: 1
Editora: Record
ISBN: 9788501084927
Ano: 2010
Páginas: 496
SinopseLara Lington sempre teve uma imaginação fértil. Agora ela começa a se perguntar se está ficando maluca de vez. Meninas normais de vinte poucos anos não veem fantasmas, né? Pelo menos era o que ela pensava até o espírito da tia-avó Sadie, que foi uma jovem dançarina de Charleston com ideias avançadas sobre moda e amor, aparecer misteriosamente com um último pedido: Lara precisa localizar um colar que foi dela por mais de 75 anos. Só assim tia Sadie poderá descansar em paz. Além de encontrar a joia, Lara tem que lidar com probleminhas do dia a dia: a sócia foi curtir um romance em Goa, sua empresa está afundando e ela acabou de ser abandonada pelo homem “perfeito”. Nesta divertida história, Lara e Sadie são duas meninas de vinte bem diferentes que vão aprender a importância dos laços familiares e da amizade


“O problema de mentir para seus pais é que você faz isso para protegê-los.

A Lara teve seu primeiro encontro com sua tia-avó na cerimônia de cremação da própria! Quando ouve e o pior consegue ver a dona daquela voz irritante procurando um bendito colar. E quando Sadie percebe que ela a vê, pronto a vida da Lara nunca mais será a mesma…
Lara está vivendo um momento tumultuado financeiramente e afetivamente. Seu namorado “perfeito” terminou o relacionamento por telefone e ainda trocou o número e avisou a família. Só por causa de algumas mensagens deixadas por ela, dizendo que sabia que ele a amava, só estava com medo do sentimento, nada demais. rs E pra piorar largou o emprego e resolveu junto com uma “amiga” ter seu próprio negócio, agora ela é uma caça talentos, e é claro que ela estaria ganhando muito dinheiro se ela tivesse experiência no ramo e não tivesse uma sócia “Expert” no assunto, de férias com um novo namorado. Pois sim! E agora ela vê fantasmas!
Sadie  sofreu um AVC (derrame) muito jovem e fora internada em um asilo, nunca recebeu uma visita, não deixou nada  e não se tinha nada pra falar na cerimônia, coisa que Lara realmente se entristeceu com uma pontada de culpa, afinal ela nunca viu ou tentou saber de sua tia que agora está morta depois de 105 anos. Será  mesmo que uma pessoa pode passar tanto tempo aqui, sem nunca ter deixado marcas?
PARA TUDO!  Disse Lara.  – Ela não pode partir ainda! Seguindo as instruções de sua tia. E a cremação é adiada, claro que com muitas trapalhadas, essas duas me fizeram  gargalhar e chorar de pesar.
Juntas descobrem o valor da amizade, a importância da família e que ninguém nesse mundo parte sozinho. Exatamente como nessa frase:

“Cada um que passa em nossa vida, passa sozinho, pois cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra. Cada um que passa em nossa vida, passa sozinho, mas quando parte, nunca vai só nem nos deixa a sós. Leva um pouco de nós, deixa um pouco de si mesmo. Há os que levam muito, mas há os que não levam nada.”


Sandie enquanto procura o que a fará descansar, vai descobrir que fora muito especial para alguém, que fora traída pela própria família e que é muito famosa. Ela não passou passou pela vida sem deixar sua assinatura.
Lara enquanto ajuda a tia  descobre o verdadeiro amor em todos os sentidos.
Só fica uma curiosidade nesse livro. Mas acho que vou perguntar à uma menina de vinte! rs
Esse livro como todos de Kinsella  eu recomendo, não é apenas uma história pra divertir, em meio as gargalhadas tem muito que refletir.

Marcia Lopes

Paulistana, bookaholic. Louca por livros de terror,Thriller psicológico, policial, jurídico... Mas não dispensa um bom romance. Também apaixonada por filmes e séries.

6 Comentários em “[ Resenha ] Menina de Vinte – Sophie Kinsella

  • Acho que vou presentear Taciana com ele. Ela tem um montão de livros da Sophie. A resenha está ótima! Beijosss

  • Você já tinha me falado desse livro e parece bem legal.
    É uma história diferente das que tenho lido, pronto mais um p listinha de 2013 srsrrs

    Bjs

  • Adorei a dica!!!
    Não conhecia o livro e realmente parece ótimo.
    Seguindo o blog!
    Se ainda não seguiu, gostaria de convidar para seguir e comentar:
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/
    Bjs

  • Sua resenha me deixou com vontade de le-lo, ficou muito bom! e esse trecho no final foi ótimo.
    Eu sou uma de vinte pode perguntar! kkk
    bjs
    http://leituradeouro.blogspot.com.br/

  • Cara, depois que li o Fiquei com seu número,me rendi a escrita de Sophie. Esse era um outro que estava na minha lista de leitura, mas acabei optando pelo Segredo de Emma Corigan.
    Breve lerei!
    Adorei a resenha, flor! Você sempre me deixando curiosa. Adoro!!!!!!

    bjus

    http://www.terradecarol.blogspot.com

  • Parece ser bem divertido o livro. Gosto dessa coisa toda de fantasmas, hehehe! O legal de uma história assim é poder ver que coisas ruins acontecem mas que sempre tem algo de bom a se tirar de lição, de reflexão. Na vida real, nem sempre conseguimos agir assim, aí quando lemos em um livro a gente começa a levar pra vida um pouco dessa garra, dessa esperança de que tudo que acontece, acontece por um motivo maior.

    Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: