PUBLICIDADE

Resenha – O Demonologista – Andrew Pyper

ISBN-13: 9788566636406
ISBN-10: 8566636406
Ano: 2015 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: DarkSide® Books

Sinopse
“A maior astúcia do Diabo é nos convencer de que ele não existe”, escreveu o poeta francês Charles Baudelaire. Já a grande astúcia de Andrew Pyper, autor de O Demonologista (DarkSide® Books, 2015), é fazer até o mais cético dos leitores duvidar de suas certezas. E, se possível, evitar caminhos mal-iluminados.

O personagem que dá título ao best-seller internacional é David Ullman, renomado professor da Universidade de Columbia, especializado na figura literária do Diabo – principalmente na obra-prima de John Milton, Paraíso Perdido. Para David, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico. Ao aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno sobrenatural em Veneza, David começa a ter motivos pessoais para mudar de opinião. O que seria apenas um boa desculpa para tirar férias na Itália com sua filha de 12 anos se transforma em uma jornada assustadora aos recantos mais sombrios da alma.

Enquanto corre contra o tempo, David precisa decifrar pistas escondidas no clássico Paraíso Perdido, e usar tudo o que aprendeu para enfrentar O Inominável e salvar sua filha do Inferno.

Este é um daqueles livros que você não consegue largar até acabar a última página, ainda que vá precisar de muita coragem para seguir em frente. O Demonologista ganhou o Prêmio de Melhor Romance do International Thriller Writers Award (2014), concorrendo com autores como Stephen King. Entrou em diversas listas de melhores livros de 2013, foi finalista do Shirley Jackson Award (2013) e do Sunburst Award (2014), chegou ao topo da lista dos mais vendidos do jornal canadense Globe and Mail e foi publicado em mais de uma dezena de países.

Literandos essa resenha foi feita pelo Lucas autor gasparzinho aqui do blog rs e é claro que tem meus pitacos hehehehe

 

Sede sensatos e vigilantes. O Diabo, vosso inimigo, anda ao redor como leão, rugindo e procurando a quem devorar.1 Pedro 5:8

David Ullman, conceituado professor de literatura, especializado na figura literária do diabo, tem uma brusca virada na direção de sua vida quando uma desconhecida aparece em sua sala oferecendo um “trabalho”.
Apesar de muito inteligente, David é retraído e até melancólico, desde que se conhece. Depois de uma briga com a esposa, decide então aceitar o trabalho. Com sua filha, David parte para Veneza, descobrir para que a estranha precisa de seus “conhecimentos” e executar a tal tarefa.
Após um encontro aterrador com aquele – Aquilo – que ele passa a chamar de inominável, David decide buscar a filha deixar o trabalho pra trás. E é quando o inesperado acontece. Tess foi possuída e desapareceu.

Nós somos muitos. Mas você não vai encontrar ninguém.

De volta aos Estados Unidos, David passa receber sinais de Tess, forçando-o a acreditar que ela esta viva, quando todos refutam essa possibilidade. É quando começa a jornada implacável de David pelo sul do país para encontrar a filha. O que David não percebe, porém, é que o “inominável” tem outros planos para ele…
Tenso. Chocante. Arrebatador. Assim eu descrevo O Demonologista. A leitura discorre de forma intensa, principalmente se você, como eu, se identificar em qualquer nível com o protagonista. Incrivelmente bem escrito, você se vê capturado pela teia que Andrew Piper tece de forma magistral. A única ressalva: O final. A estória é incrível e o final, apesar de ter sido bom, não é exatamente o que a gente espera. Foi Previsível.
Leitura obrigatória pra quem curte o gênero (quem não gosta, também vale a pena ler). Pra mim, o melhor do livro que li esse ano, desse gênero.
Podem ler sem medo. (Se vocês conseguirem hahaha)
 
Então…  a leitura realmente é tensa, chocante e até dá um “medinho” rs
Contudo ficaram fios soltos e o final não consegui até agora entender, discordo que foi previsível , muito ao contrário me surpreendeu desfavoravelmente…
Quando jovem eu li Paraíso Perdido de John Milton, tanto que vou relê-lo, porque meu ego foi ferido ao ser incapacitada de entender o final.
Entendi que David já era um “escolhido” apesar de formado em teologia, ele se especializou em  Satanás, na verdade ele meio que entendia Lúcifer , o problema é que ele estava  lidando com Belial  e este na minha opinião tem o mesmo desejo que Lúcifer tinha quando resolveu se revoltar, agora pensam vocês a história se repetindo… Tai o pandemônio e qualquer um de nós pode fazer parte … Será que mesmo sem saber! Ai meu Deus!
Mas recomendo com certeza, poque fora a minha opinião sobre o final , o livro faz jus ao estilo “terror”faz refletir e também passa algo bom sobre o amor, coisa que o diabo não entende e além da Tess sua filha e seu grande amor, tem também sua amiga, sua MELHOR amiga, chega a ser emocionante!
Com certeza preciso reler esse livro! Bjs

Marcia Lopes

Paulistana, bookaholic. Louca por livros de terror,Thriller psicológico, policial, jurídico... Mas não dispensa um bom romance. Também apaixonada por filmes e séries.

5 Comentários em “Resenha – O Demonologista – Andrew Pyper

  • Parece ser bom o livro, mas não sei se teria coragem de ler. Hahaha acho que esse vou passar kkkkk.

  • Não é um tipo de livro que eu leria.

  • Renata Mendes
    3 meses ago

    Da ate um medinho? Eu fiquei foi com um Medão! Fiquei curiosa pra ler o livro todo, mas não sei se teria coragem kkkkkk.
    Beijos

  • As vezes leio finais inúmeras vezes pra entender e tb não me conformo kkkk O bom é que o livro prende e faz querer decifra-lo.

    atraentemente.blogspot.com

  • Ual…a história parece que tinha tudo para ser ótima…pontas soltas nunca é bom…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: